Inteligência Emocional Equilibrada

Inteligencia Emocional.jpg

Sabemos que é difícil lidar com as emoções, tanto com as nossas quanto com as dos outros. No livro ‘The EQ Edge : Emotional Intelligence and Your Success”, os autores Steven J. Stein e Howard E. Book nos proporcionam alguns insights sobre várias atitudes que pessoas com inteligência emocional equilibrada teriam:

Você entende exatamente quais são suas fraquezas?

Você compreende quais são seus pontos fortes e explora-os ao máximo, assim como reconhece suas fraquezas e busca desenvolvê-las ou minimizar o estrago que possam fazer na forma como se relaciona com as pessoas e consigo. Consciência Emocional é um item fundamental da inteligência emocional, que mostra o seu nível de conhecimento sobre as próprias emoções.


Você não desconta suas emoções negativas nas outras pessoas?

Você tem plena consciência do que te deixa triste, irritado ou com raiva e consegue lidar com isso a ponto de não deixar que essas emoções negativas afetem o seu ambiente de trabalho ou as pessoas ao seu redor.


Você não é explosivo?

Ciente das palavras e situações que ativam seu sistema límbico e te deixam completamente fora de si, consegue prevê-las ou senti-las para lidar da melhor forma possível, sem sair do controle.


Você se dá bem com a maioria das pessoas?

Respeitando o espaço do outro e se impondo de forma clara e não agressiva seus limites, consegue estabelecer relacionamentos profissionais e sociais saudáveis e não agressivos. Também tem empatia suficiente para se colocar no lugar do próximo e prestar os devidos suportes quando necessário.


Você é bom em compreender sentimentos implícitos?

Nem sempre as palavras dizem o que realmente sentimos. Ao conversar com um familiar, amigo, ou mesmo em uma conversa de feedback, você consegue entender, com sua sensibilidade, o que realmente a pessoa expressa e não somente o que está falando.


Você é otimista?

É hábil em perceber o lado bom das coisas e combate o negativismo com energia. Consegue perceber o que há de errado, encontrando com rapidez soluções lógicas e tangíveis para resolução dos problemas. Não se abate com facilidade e, quando isso acontece, se recupera com rapidez, sempre com novas perspectivas e cuidado para não repetir os erros do passado. Consegue se automotivar com facilidade.


Você sabe dizer não?

Pessoas que dizem sim o tempo todo correm o risco de se sobrecarregar ao ponto de explodirem em emoções negativas e tóxicas para elas mesmas. Entendendo suas limitações e também as que o ambiente te impõe, você sabe quando deve dizer não e também sabe se justificar sem pacificamente. 


Você tolera bem o estresse?

Como nem tudo são flores, eventualmente passamos por situações de estresse em nossas vidas, como a morte de alguém querido, uma desilusão amorosa, a mudança da liderança no trabalho ou mesmo a demissão. Uma pessoa que tolera bem o estresse consegue permanecer no eixo, planejar e elaborar ações para sair de situações indesejadas sem se prejudicar.